Arquivo da categoria ‘Ribeirão Preto’

Deputado ribeirão-pretano exonera chefe de Gabinete depois de prisão
Rafael Silva aguarda posição do partido; Constancia Félix perde o cargo pela 2ª vez

EPTV.Com – Cristiane Zambroni
O deputado estadual de Ribeirão Preto, Rafael Silva (PDT), exonerou nesta quinta-feira (24), a chefe de Gabinete da 4ª vice-presidência da Assembleia Legislativa, a qual ele é o vice-presidente. Segundo o deputado, essa é a segunda vez que Constancia Berbert Dutra da Silva, conhecida como Constancia Félix, é desligada do cargo. “Ela já foi exonerada em maio, mas o partido pediu sua volta”, declara.

Questionado sobre o motivo da exoneração anterior, o deputado disse que entendeu que tinha que fazê-la. “Ela ficou pouco tempo fora do cargo”. Já em relação ao desligamento de Constancia nesta quarta-feira, Silva disse que não comunicou o partido para tomar a decisão, no entanto, aguarda pronunciamento.

Segundo Silva, o cargo ocupado por ele e Constancia é temporário (2 anos) e caso ele saia do partido (PDT), a função também é passada para outro deputado.

Procedência

Rafael Silva garantiu nunca ter tido problemas com Constancia e seu marido, prefeito de Limeira, Silvio Félix (PDT). “Eles nunca me deram problemas na assembleia. Eu desconhecia todos esses fatos”, afirma.

Caso

A ex-chefe de Gabinete do deputado de Ribeirão Preto, Rafael Silva (PDT), foi presa na madrugada desta quinta-feira (24) durante operação do Ministério Público (MP). Constancia Berbert Dutra da Silva, conhecida como Constancia Félix, é primeira-dama de Limeira e uma das 11 pessoas suspeitas de lavagem de dinheiro, falsidade ideológica e formação de quadrilha.

O Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado (Gaeco) realizou a operação em Limeira, Piracicaba e São Paulo e contou com a participação de promotores de Ribeirão Preto, Franca, Campinas e São Paulo. Além da primeira-dama, dois filhos e duas cunhadas do prefeito de Limeira, estão presos.

De acordo com o MP, os valores da lavagem de dinheiro, podem ultrapassar os R$ 20 milhões.

Presos

Os nomes confirmados são os seguintes:

– Constancia Berbert Dutra da Silva, conhecida como Constância Félix (primeira-dama de Limeira)

– Mauricio Felix da Silva – filho do prefeito Silvio Félix

– Murilo Felix da Silva – filho do prefeito Silvio Félix

– Verônica Dutra Amador – irmã de Constância Félix, primeira-dama de Limeira

– Lucimar Berbert Dutra – irmã de Constância Félix, primeira-dama de Limeira

– Carlos Henrique Pinheiro – assessor político do prefeito Silvio Félix

– Daniel Henrique Gomes da Silva – contador do prefeito Silvio Félix

– Lucelia Baliani

– Isaias Ribeiro

– Maria Alves de Sousa
Prefeita de Ribeirão Preto é suspeita de envolvimento em fraude

A Polícia Civil de Ribeirão Preto, a 290 km de São Paulo, investiga se a prefeita Dárcy Vera (PSD) está envolvida num suposto esquema de fraude na distribuição de casas populares por meio da Companhia Habitacional Regional da cidade. A prefeita nega as acusações. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

A investigação começou a partir de uma acusação feita pela suspeita de estelionato por “vender” essas casas a Marta Aparecida Mobiglia, 45 anos. Ela afirmou à polícia que entregava dinheiro referente à comercialização das residências para um mensageiro da prefeita.

Dárcy negou as acusações e convocou uma entrevista coletiva para se defender no final da tarde desta quarta-feira.
Marta é uma das investigadas por prometer, mediante pagamento de até R$ 3.000, que era capaz de “furar” o sorteio das casas do conjunto Paulo Gomes Romeu, construído pela CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano de SP).

A Cohab-RP era responsável por fazer o cadastro das pessoas interessadas e organizar os sorteios.

Segundo a advogada de Marta, Máira Ferreira Teles, sua cliente disse à polícia que documentos e todo o dinheiro arrecadado com a fraude eram entregues a um motoqueiro, que seria um mensageiro de Dárcy.

“Ela afirmou que o contato [com a Dárcy] foi por meio da irmã da prefeita [Marli Vera, conhecida como Chaveirinho]”, disse Teles.

DENÚNCIA

O caso começou a ser investigado há uma semana, quando Marta e uma segunda suspeita, Maria Rosa Lopes Ferreira, 57, foram parar na delegacia após denúncia de membros do Conselho Municipal da Habitação e do jornal “A Cidade”.

Após a denúncia, a polícia começou a apurar se havia participação de funcionários da Cohab –comandada pelo PMDB em Ribeirão desde que Dárcy assumiu a prefeitura, em 2009.

Além de Marta, o delegado responsável pelo caso, Marcelo Velludo, deve ouvir nesta quinta-feira a segunda suspeita.

Procurado pela Folha, Velludo confirmou ter ouvido o depoimento de Marta, mas não quis comentar o conteúdo das declarações da investigada.

“Eu sou o presidente do inquérito e, se esse conteúdo vazou, não foi pelas minhas mãos. O que eu posso dizer é que o depoimento da Marta realmente foi colhido”, afirmou sobre o fato de Dárcy já ter recebido as declarações.

Em depoimento à polícia nesta quarta-feira (16), a representante comercial Marta Aparecida Mobiglia, de 45 anos, disse que negociou um emprego com a prefeita, com as funções de recolher dinheiro e documentos para a aquisição de moradias. Ela seria responsável por repassar tudo à Marli Vera, irmã da prefeita, em troca de um salário de R$ 1,8 mil por mês.

De acordo com o advogado de Marta, Antonio Carlos de Oliveira, a linha telefônica em que sua cliente fazia os contatos, está à disposição da Justiça para auxiliar nas investigações. “Todas as instruções que foram passadas pela irmã da prefeita Dárcy Vera e pela prefeita Dárcy Vera se deram por telefone. Inclusive, passamos para a autoridade policial o número do telefone da nossa cliente para que seja oficiada a operadora para que se mande a bilhetagem referente a esse número e as ligações recebidas”, disse o advogado.

CDHU

Duas mulheres suspeitas de cobrar até R$ 6 mil para facilitar a compra de casas da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) de Ribeirão Preto foram detidas no dia 8 de novembro. Ao todo, 11 pessoas foram ao 4º Distrito Policial registrar boletim de ocorrência.

Com a promessa de que seriam contempladas com moradias no bairro Paulo Gomes Romeu, elas afirmam que chegaram a pagar R$ 1,6 mil para entrar na fila de distribuição de imóveis. Segundo o delegado Marcelo Veludo Garcia de Lima, as casas são da CDHU, no entanto, o cadastro é da Cohab.

“Eu dei o valor de R$ 3 mil para conseguir essa casa da Cohab”, disse o músico Giliard Tavares Reis.

“Ela falou que a casa ia sair em março. Eu dei o dinheiro em janeiro. Passou o mês de março e elas disseram que iam dar a casa em julho. Na esperança de ter a casa, aconteceu o que aconteceu. Agora, só Deus sabe”, disse uma mulher que preferiu não ser identificada.

O presidente da Cohab de Ribeirão Preto, Silvio Martins, afirmou que vai investigar se funcionários estão ligados ao suposto crime. “Eu estou aqui, junto com o chefe do jurídico, para apurar isso. Vamos levantar junto à autoridade policial se tem algum nome de funcionário envolvido”, declarou.

As duas suspeitas foram ouvidas e liberadas. Segundo a advogada da dupla, suas clientes responderão apenas ao juiz. “Elas me passaram que elas são inocentes. Elas vão falar em juízo.”, disse a advogada Maira Ferreira Teles que foi chamada pelas suspeitas, sem as conhecê-las. “Não tive tempo para conversar com as minhas clientes. Elas pegaram o meu cartão e me ligaram”, disse Maira.


OUTRO LADO

Não conheço

Procurada pela reportagem da EPTV, Marli Vera, irmã da prefeita, disse por telefone que não conhece e que nunca conversou com a mulher que fez as acusações.

No final da tarde, Dárcy chamou os jornalistas para desmentir as afirmações da mulher que a acusou.

A prefeita afirmou nunca ter falado com a investigada e que não é a primeira vez que “usam” seu nome para cometer irregularidades.

Ela disse ainda que está à disposição da polícia para a investigação.

“Sou a maior interessada em que tudo isso seja muito bem investigado e que se descubra a verdade. Estou muito tranquila quanto a isso”, afirmou Darcy.

Ela concedeu a entrevista diante de uma mesa cheia de fitas de vídeo que ela disse serem as filmagens de todos os sorteios de casas em seu governo.

O presidente da Cohab-RP, Sílvio Martins [ex-vereador do PMDB indicado ao cargo pelo deputado Baleia Rossi], acompanhou a prefeita durante a coletiva.

Ele afirmou que até agora não há indício de prova sobre o envolvimento do poder público no caso.

A assessoria de Dárcy disse que ela soube do depoimento da mulher à polícia por meio de “fontes”.

PepsiCo anuncia compra da fabricante de biscoitos Mabel

A PepsiCo anunciou nesta quinta-feira (10) a compra do Grupo Mabel, fabricante de biscoitos e salgadinhos. O negócio ainda está sujeito à aprovação do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica). A empresa não divulgou o valor do negócio.
O biscoito é o carro-chefe da produção da Mabel, que detém as marcas Mabel, Elbi’s, Kelly e Skiny. Já a PepsiCo é detentora das marcas Elma Chips, Quaker, Toddy e Toddynho.
O negócio será detalhado durante coletiva de imprensa às 16h30 em Goiânia, na sede da Mabel, com os principais acionistas da empresa.
““A PepsiCo vem concentrando esforços na construção de seu portfólio global de macrosnacks”, informou comunicado da PepsiCo.
No entanto, nos últimos anos o grupo apostou na diversificação para atender principalmente à emergente classe C. Em decorrência disso, os salgadinhos têm ganhado importante participação na receita da Mabel.

Disputa

Além da PepsiCo, disputavam o negócio as empresas multinacionais Bunge e a Bimbo.
A Mabel foi fundada em 1953 por imigrantes italianos. Inaugurou sua primeira fábrica em 1962, em Ribeirão Preto (SP), e o primeiro parque industrial, em Aparecida de Goiânia (GO), em 1975. Depois, vieram as fábricas do Rio de Janeiro (89); Três Lagoas (MS), em 98; Itaporanga D’Ajuda (SE), em 2000; e Araquari (SC), em 2004.
O forte crescimento no mercado a partir dos anos 90 foi similar à carreira política de um dos seus principais proprietários, Sandro Mabel. Ele foi eleito estadual em Goiás pelo PMDB em 1990 e federal em 1994, 2002, 2006 e 2010. Ele, porém, foi voto vencido dentre os acionistas, já que não queria vender a empresa.

Com informações do Valor Online



PepsiCo Buys Brazilian Cookie Maker Grupo Mabel


PepsiCo Inc. (PEP) acquired privately held Grupo Mabel, the second-largest maker of cookies in Latin America, in a bid to strengthen the food-and-beverage company’s business in key emerging markets.


Mabel is a producer of cookies, crackers and snacks in Brazil under brands that include Mabel, Elbi’s, Kelly and Skiny. It has five manufacturing plants and makes more than 200 products. Mabel will join PepsiCo’s existing portfolio of brands in Brazil, which includes Elma Chips, Quaker, Toddy Chocolate Powder and Toddynho Chocolate Milk.


PepsiCo beat out other global food companies in an auction for Mabel, according to Brazilian media. Financial terms were not disclosed, though people familiar with the matter said the deal valued Mabel at $520 million.


The transaction, which was reported in the works last week, is subject to post-closing review by Brazil’s Council for Economic Defense.


“PepsiCo continues to build its global macro-snacks portfolio and make strategic investments that will drive our business performance and unlock long-term growth opportunities,” said John Compton, chief executive officer of PepsiCo Americas foods and global snacks group. “Brazil is an extremely important market for PepsiCo and this acquisition well positions us in a key segment in the snack category there.”


PepsiCo has had handful of recent acquisitions and development projects in Latin America, including its purchase of Argentina-based cookies and crackers company Dilexis, the opening of a manufacturing plant in Brazil and an April deal to exclusively supply soft drinks to more than 1,000 Burger King Corp. restaurants in Latin America and the Caribbean.


Pepsi has seen double-digit sales increases in recent quarters, helped by acquisitions and growth in its snacks business and emerging markets. But like other consumer-products companies, its bottom line is being stung by sharply higher commodity costs, which are expected to rise close to $1.6 billion this year. The company is also investing heavily in a new ad campaign for its flagship Pepsi-Cola drink, which dropped to the No. 3 spot in the U.S. soda market last year, behind regular Coke and Diet Coke.


Last month, the company said its third-quarter earnings rose as price increases helped offset a jump in costs.


PepsiCo shares were up 0.5% at 62.54 in early trading.


http://online.wsj.com/article/BT-CO-20111110-711897.html
Prefeitura é condenada a indenizar aluno jogado no lixo em SP

ELIDA OLIVEIRA
DE RIBEIRÃO PRETO 

A Prefeitura de Ribeirão Preto (313 km de SP) foi condenada a pagar R$ 7.500 para um aluno que, há 11 anos, foi jogado no lixo por um professor da rede municipal de ensino.

A ação por danos morais, julgada no TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo), conclui que a ação do professor expôs o aluno ao bullying, já que ele passou a ser chamado de “lixo, lixão, sujo”.

O caso aconteceu em setembro de 2000. Segundo o relato judicial, o aluno estava em sala de aula quando se desentendeu com outro colega de classe. Para conter o caso, o professor pediu ajuda a outro estudante e, então, colocou o aluno dentro de uma lata de lixo fora da sala de aula.

Em defesa, a prefeitura argumentou que o professor nunca teve reclamações e que era conhecido por ser “brincalhão e amigável”.

Para o desembargador Nogueira Diefenthäler, o caso trouxe danos ao aluno. “Não se questiona aqui se o autor era aluno ‘bagunceiro’ ou se o professor era profissional altamente habilitado e bem avaliado. O que se discute é se seu agir pode ser tido como correto”, diz trecho da decisão.

Segundo o desembargador, haveria outras medidas para se conter o tumulto em sala de aula.

“Em um ambiente escolar qualquer episódio que cause humilhação ou vexame ao aluno é fator catalisador de zombarias, ataques ou outros atos que podem ser classificados como bullying”, diz outro trecho.

Diefenthäler reduziu o valor da ação, que antes era de 30 salários mínimos ou R$ 16.350, para R$ 7,5 mil, mais juros e mora.

Cinema D entra em reforma e reabre em dezembro


A casa noturna Cinema D, a partir de 07/11 irá passar por uma reforma após as comemorações de seu 2º aniversário.
Cinema D entra em reforma e reabre em dezembro
Cinema D entra em reforma e reabre em dezembro (foto: divulgação)
A casa noturna Cinema D, a partir de 07/11 irá passar por uma reforma após as comemorações de seu 2º aniversário. A Casa vai ganhar novo layout, decoração, novos investimentos em som, iluminação e outras novidades mantendo a sofisticação e conforto característico do local e aumentando o espaço dos camarotes Ciroc e Itaipava. A data prevista para reabertura é 07 de dezembro. Até lá, acompanhe o Cinema D, no site oficial: http://www.cinemad.com.br


Após postar esta ajudinha ao Cinema D,  saiu isto na imprensa



Mãe de adolescente agredido diz que vai processar boate
Garotos de 16 anos alegam que foram agredidos por seguranças


Os pais dos dois adolescentes que teriam sido agredidos por seguranças de uma festa, no último domingo (6), dizem que vão processar a casa noturna Cinema D – organizadora do evento.


Os garotos, de 16 anos, passaram por exame de corpo de delito na manhã desta segunda-feira (7). “Meu filho nunca teve problemas. Eu achava que a boate era segura, mas agora quero que assumam as responsabilidades pelo que aconteceu”, diz Rita Godoy Verbe, mãe de um dos adolescentes.


Rita conta que o filho passou mal, foi retirado da pista de dança desmaiado e foi deixado na calçada sem atendimento. “Eles dizem que não encostaram no meu filho, mas quando liguei no celular dele, um dos seguranças atendeu, ou seja, estavam com o aparelho dele”, denuncia.


O jovem foi encaminhado à Unidade Básica de Saúde (UBS) Central, onde ficou constatado o coma alcoólico. “Ele diz que bebeu apenas um copo de vodka antes de entrar na festa, mas ele não podia beber porque toma um remédio controlado. O médico disse que se demorasse mais um pouco para ele ser atendido, poderia ter morrido”, afirmou a mãe.


Segundo caso


O outro adolescente diz que foi barrado na saída, junto com dois amigos. Depois de discutir com os seguranças, ele teria sido agredido com socos e chutes. “Todos os seguranças da casa me batendo. Me bateram lá na frente de todo mundo. Aí eles me levaram lá pra dentro e me bateram mais ainda”, contou o jovem de 16 anos à equipe de reportagem da EPTV.


O pai do garoto também registrou Boletim de Ocorrência e quer levar o caso para a Justiça. “Os exames comprovaram os ferimentos. Queremos que a polícia investigue”, disse o contador Amário Marcelo Ambrósio da Cruz.


Resposta


Em nota enviada à imprensa, a boate Cinema D informou que “proibiu absolutamente a venda ou consumo de bebidas alcoólicas, sem exceções, dentro do estabelecimento”. A nota destaca que a casa vai investigar se houve abuso por parte de sua segurança e que, caso seja comprovada a agressão, responsabilizará os funcionários judicialmente.


Papai Noel chega ao Novo Shopping

Publicado: 7 de novembro de 2011 em Ribeirão Preto

Papai Noel chega ao Novo Shopping
No próximo domingo, dia 6 de novembro, as comemorações de Natal começam oficialmente no Novo Shopping, com a chegada do Papai Noel no Park do Gorilão.

No próximo domingo, dia 6 de novembro, as comemorações de Natal começam oficialmente no Novo Shopping, com a chegada do Papai Noel no Park do Gorilão. Na ocasião, o parque estará com a bilheteria liberada das 9h às 12h, para celebrar junto com a garotada a vinda do bom velhinho ao centro de compras.
Por volta das 11h, o Papai Noel se encontrará com o público em um comboio de automóveis clássicos, acompanhado de suas ajudantes, as Noeletes. Por alguns momentos, o personagem ficará entre as crianças no parque e depois se dirigirá à sua poltrona oficial, na Praça de Eventos, onde permanecerá até o dia 24 de dezembro, recebendo pedidos da garotada e, por que não, dos adultos sonhadores.

Chegada do Papai Noel ao RibeirãoShopping será marcada por show do Pato Fu

Para encerrar as comemorações de seu 30º aniversário, o RibeirãoShopping prepara a celebração de um Natal que promete ser inesquecível e que será marcado pela chegada do Papai Noel no próximo dia 13/11, a partir das 18h, no estacionamento do centro de compras.
Além do “bom velhinho”, o evento terá ainda a participação da banda de rock mineira Pato Fu, que traz a Ribeirão Preto o espetáculo cênico musical: Música de Brinquedo.

Chegada do Papai Noel ao RibeirãoShopping será marcada por show do Pato Fu (foto: divulgação)
Para encerrar as comemorações de seu 30º aniversário, o RibeirãoShopping prepara a celebração de um Natal que promete ser inesquecível e que será marcado pela chegada do Papai Noel no próximo dia 13/11, a partir das 18h, no estacionamento do centro de compras.

Além do “bom velhinho”, o evento terá ainda a participação da banda de rock mineira Pato Fu, que traz a Ribeirão Preto o espetáculo cênico musical: Música de Brinquedo. Reconhecido como uma das melhores produções infantis da atualidade, o álbum homônimo venceu o 22º Prêmio da Música Brasileira e o show, por sua vez, concorre ao Grammy Latino 2011.

Lançado em 2010, Música de Brinquedo Ao Vivo promete agradar adultos e crianças graças aos arranjos inusitados realizados junto às releituras de clássicos do pop rock nacional e internacional. Reunindo brinquedos sonoros e instrumentos musicais infantis, como mini flauta, xilofone, kalimba e escaleta, o show conta ainda com a participação de Ziglo e Groco, bonecos criados e manipulados pelo Grupo Giramundo.

No repertório estão canções como Primavera (Cassiano), Live and Let Die (Paul McCartney), Ska (Paralamas do Sucesso), Twiggy Twiggy (Pizzicato Five), Love Me Tender (Elvis Presley), entre outras.

“Idealizamos a chegada do Papai Noel como um momento muito especial, por isso buscamos uma atração inovadora e cujos detalhes tornarão esse evento inesquecível para o público”, comenta o gerente de marketing do RibeirãoShopping Marcos Botelho.

Além de prestigiar a chegada do Papai Noel e o show do Pato Fu, os clientes poderão ainda conferir a decoração de Natal feita em homenagem ao maestro João Carlos Martins. Para acompanhar os eventos do RibeirãoShopping basta seguir o perfil do shopping no Twitter (@ribshopping) ou curtir a Fan Page oficial no Facebook (http://www.facebook.com/pagina.ribeiraoshopping). Você também pode acessar o website mobile do RibeirãoShopping no endereço m.ribeiraoshopping.com.br.

Serviço

O que: Chegada do Papai Noel e Show Música de Brinquedo Ao Vivo, com Pato Fu e Grupo Giramundo
Quando: 13 de novembro às 18h
Onde: Estacionamento do RibeirãoShopping