Arquivo da categoria ‘Repórter Record’

Repórter Record | 28/09 seg 23h00 | Rede Record – Jornalismo |

Repórter Record faz o retrato da infância corrompida pelo crime

Na noite da próxima segunda-feira (28/09), às 23h, o Repórter Record apresentará uma geração perdida para o mundo do crime. Assaltos, tráfico, assassinatos: uma escolha arriscada, feita por milhões de crianças do mundo inteiro. Um caminho sem volta? Negligência dos pais ou das autoridades?

Nossos repórteres vão às ruas e relatam que a droga é o refúgio mais fácil. Isadora é o nome fictício de uma adolescente de 14 anos de idade, que já está grávida do namorado – também um menino de rua. Longe de casa, os dois lutam para abandonar o vício. Maconha, cocaína e crack. A dependência começou quando a garota tinha apenas dez anos. A equipe do Repórter Record localizou a mãe da menina e sugeriu um reencontro. Será que o apelo materno funciona?

Como age um assassino em série? Os repórteres conversam com o Maníaco da Cruz, um adolescente de 16 anos, que ficou conhecido por deixar os corpos de suas vítimas em posição de crucificação. Mente perturbada ou assassino impiedoso?

Fábrica de bandidos. Assim era conhecida a antiga FEBEM. Depois da reforma estrutural, o número de detentos diminuiu. Será que as internações na Fundação Casa servem para recuperar menores infratores? Vamos fazer uma visita à unidade da Vila Maria, conhecida como uma das mais violentas, e mostrar o cotidiano destes jovens.

Semanas sem visitas, tarefas pesadas e o abandono da família. Prisões autoritárias são a melhor solução para recuperar jovens rebeldes? Como funcionam os centros de detenção para menores no exterior? Os telespectadores da Record vão conhecer a rotina das prisões nos EUA e Inglaterra. Atrás das grades, jovens com histórias como a de Natalie, presa depois que a própria mãe a denunciou para a polícia. O motivo? Pegar o carro sem autorização.

E ainda: o garoto que, aos 12 anos, lidera uma gangue especializada em roubo de carros. Ele já foi detido mais de dez vezes, mas fugiu em todas.

Apresentado por Marcos Hummel, o Repórter Record vai ao às 23h.

Repórter Record | 14/09 seg 23h15 | Rede Record – Jornalismo |

Repórter Record revela detalhes da exploração infantil na Paraíba

Na noite da próxima segunda-feira (14/09), às 23h15, o programa jornalístico da Record especializado em matérias investigativas exibe imagens exclusivas de um Brasil sem infância. A equipe do Repórter Record seguiu a trilha da exploração infantil no Nordeste. No caminho, flagrantes de abandono e desespero.

Na Paraíba, os repórteres da Record descobriram as marcas da violência e do sofrimento. Nos bolsões de miséria, os profissionais da emissora registraram imagens de trabalho infantil, tráfico de drogas e prostituição.

Sequestro, vício e muita violência marcam a vida de um garoto. Depois de passar a infância em uma carvoaria para sustentar a família, Cristóvão descobriu ter sido arrancado dos braços da mãe biológica aos três dias de vida. Os repórteres do jornalístico da Record contam, em detalhes, o drama deste menino. Da maternidade à internação por dependência de drogas, uma trama repleta de mentiras e histórias mal contadas.

O que fazer quando o agressor vive sob o mesmo teto que a vítima? Como recuperar a infância de crianças violentadas pela própria família? Nas cadeias do interior da Paraíba, celas ocupadas por presos acusados do mesmo crime: estupro. Um destes detentos acabou na cadeia por violentar a própria filha, uma garotinha de quatro anos. A mãe da menina não tem como manter a casa e pede a libertação do agressor. A equipe do Repórter Record teve acesso ao depoimento da menina. Ela conta os detalhes de um crime chocante.

Cruz do Espírito Santo, no interior da Paraíba, é o cenário de um episódio tão brutal quanto silencioso. Foi lá que um homem violentou durante anos as duas enteadas. Uma delas, de apenas 11 anos, engravidou do padrasto.

E mais: a epidemia dos grandes centros chega ao sertão. É a invasão do crack. As vítimas? Adolescentes, dispostas a vender o corpo para sustentar o vício.

Apresentado por Marcos Hummel, o Repórter Record vai ao ar nesta segunda-feira, às 23h15.

Repórter Record | 07/09 seg 23h15 | Rede Record – Jornalismo |

Repórter Record exibe flagrantes de descontroles emocionais

Na próxima segunda-feira (07/09), às 23h15, o programa jornalístico da Record especializado em matérias investigativas mostra flagrantes assustadores de descontrole, desequilíbrio e insensatez. O Repórter Record, agora exibido em novo dia e horário, revela quais são os motivos que fazem as pessoas perderem a cabeça.
De casas noturnas a estádios de futebol, de bailes de carnaval a comemorações de fim de ano: lugares de entretenimento se transformam em ringues de luta. O Repórter Record apresenta a fúria no trânsito.
Por que os brasileiros estão impacientes ao volante? Fechadas bruscas, tráfego parado, buzinaços. Os telespectadores vão ver imagens de motoristas que perderam o rumo do bom senso. Bebida: um convite à confusão. Perder a cabeça, muitas vezes, é incontrolável. Abusar do álcool, no entanto, torna-se um perigoso flerte com o destino.
O Repórter Record relembra a história do frentista de um posto de gasolina brutalmente atropelado por um estudante de Direito. Com o corpo da vítima ainda embaixo do carro, o motorista insistia em acelerar. Por quê?
Roqueiros, manifestantes, esportistas. Quando o instinto vence a razão, a violência não tem lugar, idade ou etnia. A linha que separa um bate-boca comum de uma briga violenta cada dia fica mais frágil e próxima de qualquer um.

Apresentado por Marcos Hummel, o Repórter Record vai ao ar na próxima segunda-feira, às 23h15.

Repórter Record | 23/08 dom 20h45 | Rede Record – Jornalismo |

Repórter Record revela o drama da exploração infantil

Na noite do próximo domingo, dia 23/08, o programa jornalístico da Record especializado em matérias investigativas revela os bastidores de uma realidade chocante: crianças sofrem violência cada vez mais cedo.
O Repórter Record viajou pelo Nordeste para investigar a trilha da exploração infantil. Do trabalho forçado ao abuso sexual, uma rota de destruição e sofrimento.
Nas ruas, a prostituição. Crianças vendem seus corpos por um lanche, um picolé ou até mesmo por um banho de água quente.
Os telespectadores vão conhecer a história da garota Isadora. Aos 15 anos, ela trabalha como prostituta nas ruas de Olinda. Quem a agencia? A própria tia. Um abuso que começou quando a menina tinha apenas 12 anos.
Com a exploração sexual vem também o vício. Maconha, cocaína, crack: o acesso fácil às drogas é uma tentação para jovens desiludidas. É a fuga pela autodestruição.
O que fazer quando a violência sexual acontece na sala de aula? Uma cidadezinha no sertão de Pernambuco é palco de um escândalo. O dono de uma escola violentava os alunos.
O Repórter Record exibe ainda uma realidade assustadora: molestadas na infância, meninas casam cedo e, fatalmente, com maridos violentos.
O jornalístico exibe também histórias de crianças que trocam a escola pelo trabalho. Elas pegam pesado em fábricas de gesso, farinha e empresas de reciclagem. Trabalho puxado, arriscado e sem proteção. Por que os pais deixam o sustento da família nas mãos dos filhos?
O retrato de uma sociedade que explora seu elo mais frágil e coloca em xeque o próprio futuro. Apresentado por Marcos Hummel, o Repórter Record vai ao ar às 20h45, após o Domingo Espetacular.

Repórter Record | 16/08 dom 20h45 | Rede Record – Jornalismo |

Repórter Record exibe flagrantes de descontrole emocional

No próximo domingo (16/08) o programa jornalístico da Record especializado em matérias investigativas mostra flagrantes assustadores de descontrole, desequilíbrio e insensatez. O Repórter Record revela quais são os motivos que fazem as pessoas perderem a cabeça.

De casas noturnas a estádios de futebol, de bailes de carnaval a comemorações de fim de ano: lugares de entretenimento se transformam em ringues de luta.

O Repórter Record apresenta a fúria no trânsito. Por que os brasileiros estão impacientes ao volante? Fechadas bruscas, tráfego parado, buzinaços. Os telespectadores vão ver imagens de motoristas que perderam o rumo do bom senso.

Bebida: um convite à confusão. Perder a cabeça, muitas vezes, é incontrolável. Abusar do álcool, no entanto, torna-se um perigoso flerte com o destino.

O Repórter Record relembra a história do frentista de um posto de gasolina brutalmente atropelado por um estudante de Direito. Com o corpo da vítima ainda embaixo do carro, o motorista insistia em acelerar. Por quê?

Roqueiros, manifestantes, esportistas. Quando o instinto vence a razão, a violência não tem lugar, idade ou etnia. A linha que separa um bate-boca comum de uma briga violenta cada dia fica mais frágil e próxima de qualquer um.

Repórter Record | 19/07 dom 20h45 | Rede Record – Jornalismo |

Repórter Record exibe investigação sobre o tráfico internacional de órgãos humanos

No próximo domingo (19/07) o programa jornalístico da Record especializado em matérias investigativas apresentado pelo jornalista Roberto Cabrini exibe uma investigação minuciosa sobre o tráfico internacional de órgãos humanos. O programa revela uma mercadoria cada vez mais valorizada no mundo do crime. Um submundo em que tudo está à venda.

Coração, fígado, rins. Quanto vale cada órgão no mercado do tráfico? O que os criminosos fazem para consegui-los? E do que são capazes? Quais países estão envolvidos nesta rota de contrabando?

O corpo humano tornou-se um produto de consumo mundial. Uma única pessoa, ao morrer, pode salvar a vida de outras 200. Os traficantes aproveitam a triste realidade: o planeta sofre com a falta de doadores. Só na Europa, de cada dez pacientes, três morrem na fila de transplante. E é então que surgem os mercados paralelos.

Os telespectadores vão descobrir todos os detalhes deste comércio brutal: de um lado, receptores desesperados que buscam na internet todos os tipos de cirurgias. Do outro, políticos corruptos, médicos ligados ao crime organizado, aliciadores e agências de viagens que planejam todos os detalhes da negociação, desde as passagens aéreas até os hospitais.

A equipe do Repórter Record mostra ainda o drama de quem decidiu vender partes de seus próprios corpos. Um acordo sem volta, comum em dezenas de países que convivem com a pobreza e a miséria absolutas.

O Repórter Record, com Roberto Cabrini, vai ao ar logo após o Domingo Espetacular.

Repórter Record | 05/07 dom 20h45 | Rede Record – Jornalismo |

Roberto Cabrini revela a verdadeira história de Jean Charles

O Repórter Record do próximo domingo (05.07, 20h45) traz a reconstituição da tragédia que custou a vida de Jean Charles de Menezes. Confundido com um terrorista procurado, o brasileiro que trabalhava como eletricista na capital inglesa foi assassinado a sangue frio em uma estação de metrô, por aqueles que, na verdade, deveriam protegê-lo. Durante semanas, Roberto Cabrini investigou o caso. Ele refez todo o trajeto do brasileiro em seu último dia de vida e conheceu o apartamento onde ele morou. Entrou na casa de Jean Charles e conversou com a atual moradora, uma angolana que vive em condições semelhantes a do brasileiro. O jornalista entrevistou uma das mais importantes testemunhas do crime. Um subcomissário da polícia inglesa revela fatos surpreendentes do crime que abalou Brasil e Inglaterra.

Roberto Cabrini conseguiu ainda depoimentos e documentos na Inglaterra e no Brasil que confirmaram a suspeita: precipitação, paranóia e discriminação. O Repórter Record apresenta um documentário inédito, revelador, detalhado, sobre o que de fato aconteceu naquele 22 de julho de 2005. Onde está o verdadeiro culpado? Como agentes muito bem treinados da Scotland Yard acreditaram mesmo que Jean Charles era um criminoso? Quem confirmou que o suspeito era realmente perigoso? De onde veio a ordem de fuzilamento? Por que a polícia não deu a ele a chance de se explicar? E o mais importante: Por que, até agora, ninguém foi punido? O Repórter Record revela todas as respostas.