Arquivo da categoria ‘MUNDO’

Brasil vai participar do resgate de reféns das Farc

Publicado: 18 de fevereiro de 2010 em Brasil, MUNDO
Brasil vai participar do resgate de reféns das Farc
AE-AP – Agencia Estado


BOGOTÁ – O Brasil deve participar com “apoio logístico” de um resgate de dois militares reféns das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc). A informação foi divulgada ontem pelo delegado do Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) Christophe Beney, que se reuniu com o ministro da Defesa colombiano, Gabriel Silva, o comandante das Forças Armadas, general Freddy Padilla, e o comissário para a paz no país, Frank Pearl. Eles discutiram as normas de segurança para que o CICV recolha dois militares, cujas libertações foram anunciadas pelas Farc em abril e junho de 2009.
“Podemos estar objetivamente otimistas de que todos os detalhes para essa operação se reúnam para que ela ocorra nos próximos dias ou semanas, sem falar de datas obviamente”, disse Beney, após o encontro. O representante da Cruz Vermelha afirmou que o Brasil “uma vez mais nos está fornecendo o apoio logístico, da mesma maneira que no ano passado”. Em 2009, o Brasil cedeu dois helicópteros militares e suas tripulações para que fossem retirados da selva colombiana cinco reféns liberados pelos guerrilheiros.
Silva afirmou que houve um acordo segundo o qual um anúncio com 48 horas de antecedência será “tempo suficiente” para se ordenar a suspensão de operações na área, a fim de que ocorra a entrega dos dois militares. As Farc anunciaram em abril de 2009 que entregariam o cabo do Exército Pablo Emilio Moncayo, capturado pelos rebeldes em dezembro de 1997. Em fins de junho passado, a organização afirmou que libertaria também o soldado Josué Daniel Calvo Núñez, refém desde abril de 2009.
Em liberações realizadas em 2008 e no início do ano passado, decorreu pouco mais de um mês entre o anúncio rebelde e a entrega do refém a delegados do CICV e à senadora Piedad Córdoba. A política de esquerda é quem recebe de forma confidencial dos insurgentes as coordenadas do lugar onde o sequestrado será libertado. As libertações de Moncayo e Calvo, dois dos pelo menos 20 militares e policiais em poder das Farc, têm demorado em razão de trocas de acusações do governo e da guerrilha pelos atrasos.
Conferência Internacional de Cidades Inovadoras 2010
Inovação- C uritiba sedia Conferência Internacional de Cidades Inovadoras
Promovida pelo Sistema Fiep, a CICI2010 trará mais de 80 especialistas nacionais e internacionais para debater soluções que promovam a sustentabilidade e a prosperidade econômica e social nas cidades
Entre os dias 10 e 13 de março, Curitiba receberá mais de 80 especialistas de todo o mundo que irão debater caminhos para a construção de realidades urbanas mais inovadoras, prósperas e humanizadas. Uma iniciativa do Sistema Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep), a Conferência Internacional de Cidades Inovadoras (CICI2010) trará experiências de sucesso em planejamento urbano, sustentabilidade, mobilidade, gestão e políticas públicas, entre outras, que transformaram cidades em ambientes propícios ao desenvolvimento econômico, social e ambiental.
Entre os nomes de peso que participarão da conferência estão Steve Johnson (EUA), autor de seis best-sellers que influenciaram desde ações de planejamento urbano até a luta contra o terrorismo; Pierre Lévy (Canadá), filósofo que estuda o conceito de inteligência colet iva; Marc Giget (França), diretor-fundador do Instituto Europeu de Estratégias Criativas e Inovação; Jaime Lerner (Brasil), arquiteto e urbanista, ex-prefeito de Curitiba; Jeff Olson (EUA), arquiteto e urbanista envolvido em projetos que contemplam espaços verdes e meios de transporte alternativos; Marc Weiss (EUA), presidente do Global Urban Development e líder do projeto Climate Prosperity; Clay Shirk (EUA), professor de Efeitos Econômicos e Sociais das Tecnologias da Internet e de New Media na New York University; e o arquiteto Mitsuru Senda (Japão). A lista completa e o currículo dos palestrantes estão no site www.cici2010.org.br.
Representantes de mais de 50 cidades, de todos os continentes, já confirmaram presença na CICI2010. O evento acontecerá dentro da área de mais de 80 mil metros quadrados do Cietep, sede da Fiep no Jardim Botânico que tem localização estratégica, com acesso fácil e rápido ao Aeroporto Internacional Afonso Pena e a apenas 5 quilômetros do centro de Curitiba. São esperados cerca de 1.500 inscritos, que participarão de uma série de atividades durante os quatro dias da conferência.
“A inovação é o único caminho para construirmos uma sociedade sustentá vel. E para que as empresas brasileiras e todo o País inovem é preciso, antes de tudo, que nossas cidades sejam inovadoras”, afirma o presidente do Sistema Fiep, Rodrigo da Rocha Loures. “A CICI2010 será uma grande oportunidade para que possamos pôr nossas cidades definitivamente na rota da inovação”, acrescenta.
Copromovida pelas prefeituras de Curitiba, Lyon (França), Bengaluru (Índia) e Austin (Estados Unidos) e com apoio institucional das Nações Unidas, a conferência é dirigida a empresários, gestores públicos, pesquisadores, estudantes e interessados em inovação. O evento está dividido em quatro grandes temas: “O reflorescimento das cidades”, com experiências de inovações sociais e tecnológicas para a construção de um novo ambiente urbano; “A reinvenção do governo a partir das cidades”, que trará inovações em gestão e experiências de inovações políticas e da cidade como sistema vivo; “A governança do desenvolvimento nas cidades”, uma mostra de experiências de inovações para o desenvolvimento local e apresentação de experiências de inovações para a sustentabilidade; e “Cidade-rede e redes de cidades”, que servirá para a formação do núcleo da Rede de Cidades Inovadoras.
Paralelamente à CICI2010 serão realizados outros eventos integrados, c omo a Conferência Internacional sobre Redes Sociais, o 1º Encontro Internacional de Cidades de Médio Porte e o 2º Encontro de Governos Locais da Índia, Brasil e África do Sul. E será lançado o projeto “Curitiba, Cidade Inovadora 2030” , que visa transformar a cidade e sua região metropolitana em um espaço propício à inovação, à educação e ao surgimento de uma indústria mais sustentável.
Inscrições – As inscrições para a Conferência Internacional de Cidades Inovadoras podem ser feitas pelo site www.cici2010.org.br. Até 21 de fevereiro, o pacote completo para acompanhar o evento, com acesso liberado a toda a programação da conferência, tem preço promocional de R$ 440,00. Estudantes têm 50% de desconto. Também é possível adquirir pacotes menores, para acompanhar uma ou mais conferências da noite, onde estarão alguns dos principais palestrantes da CICI2010. O pagamento pode ser feito por cartão de crédito ou depósito bancário.
Apoio: Planeta Voluntários
Conferência Internacional de Cidades Inovadoras 2010
Curitiba/ Paraná/ Brasil
Agência de Notícias do Terceiro Setor 

Tim manda mil Chips para o Haiti

Publicado: 3 de fevereiro de 2010 em MUNDO, Tecnologia
Tim manda mil Chips para o Haiti

Agência Estado

A força humanitária que está a caminho do Haiti a bordo do navio italiano Cavour ganhou um reforço. A TIM cedeu uma Estação Rádio-Base (ERB), que facilitará a comunicação das equipes que participam da missão, diante da precária rede de telecomunicações naquele país.
A operadora disponibilizou também cerca de 1000 TIMChips para as marinhas brasileira e italiana utilizarem durante a força tarefa, com roaming internacional gratuito para efetuar e receber chamadas. As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

http://ultimosegundo.ig.com.br/economia/2010/02/02/tim+manda+mil+chips+para+o+haiti+9384318.html

Luz espiral azul intriga noruegueses

Publicado: 11 de dezembro de 2009 em MUNDO
Luz espiral azul intriga noruegueses

Uma luz espiral azul, “maior que a Lua”, está causando apreensão na Noruega. O objeto não identificado foi visto na quarta-feira, no norte do país, por volta das 7h45 no horário local (4h45 de Brasília) e surgiu deixando um rastro luminoso azul, mas instantes depois parou e ficou girando no mesmo lugar, formando uma espiral branca.

Várias teorias, algumas bizarras, surgiram para explicar o estranho fenômeno, entre elas que a luz era um buracro negro, um meteoro ou até mesmo uma espaçonave extraterrestre. A explicação mais plausível, no entanto, veio do especialista no setor aeroespacial Erik Tandberg, entrevistado pelo site norueguês NRK. “Eu nunca vi nada parecido, mas provavelmente é um lançamento de um míssil de algum submarino russo que deu errado”, afirmou. Por enquanto, nenhuma autoridade militar russa se manifestou sobre o caso.

O site do jornal The New York Times publicou nesta quinta-feira um despacho da agência Reuters noticiando a falha no teste de um míssil Bulava, uma arma nova desenvolvida pelos militares russos. Um oficial que não quis se identificar disse ao jornal russo Kommersant que “o míssil falhou no terceiro estágio” do lançamento.

Pal Brekke, pesquisador do Centro Espacial da Noruega, defendeu a mesma tese, e disse que um aviso russo foi captado por rádios-amadores alertando embarcações de que, no momento em que a luz foi vista, era proibido navegar pelo Mar Branco, no Ártico.

Confira abaixo algumas fotos feitas por leitores do site NRK e vídeos de noticiários estrangeiros com imagens do fenômeno.

Por José Antonio Lima

http://colunas.epoca.globo.com/bombounaweb/2009/12/10/luz-espiral-azul-causa-apreensao-na-noruega/

Primeiro esboço prevê limitar aumento da temperatura entre 1,5 e 2 ºC, diz agência

Cópia do documento da COP 15 foi obtida pela France Presse.
Conferência discute soluções para deter aquecimento global.

Do G1, com agências internacionais

O primeiro esboço oficial da COP-15 (Conferência da ONU sobre a Mudança Climática) propõe limitar o aumento da temperatura entre 1,5 e 2 graus centígrados.

Uma cópia do documento foi obtida pela agência France Presse em Copenhague.

O texto inclui o que foi negociado até o momento para posteriores trabalhos dos países participantes, disse na véspera o negociador-chefe do Brasil, embaixador Luiz Alberto Figueiredo.

Segundo ele, o objetivo é que seja “um texto que possa contar com o máximo possível de equilíbrio, de modo que as partes se sintam representadas e confortáveis em trabalhar sobre ele”.

http://g1.globo.com/Sites/Especiais/Noticias/0,,MUL1411448-17816,00-PRIMEIRO+ESBOCO+PREVE+LIMITAR+AUMENTO+DA+TEMPERATURA+ENTRE+E+C+DIZ+AGENCIA.html

Diplomacia brasileira dá prazo para Zelaya deixar Embaixada em Honduras

Presidente deposto poderá ficar no prédio brasileiro até final de janeiro.
Governo interino negou autorização para Zelaya viajar para o México.

Do G1, com informações do Jornal da Globo

A diplomacia brasileira deu nesta quinta-feira (10) um ultimato a Manuel Zelaya. Segundo Francisco Catunda, encarregado de negócios da Embaixada do Brasil em Tegucigalpa, o presidente deposto de Honduras pode ficar no prédio brasileiro só até o fim de janeiro de 2010.

Essa disposição foi confirmada, por telefone, por Francisco Catunda. “Ele tem plena consciência que ao terminar o mandato deverá seguir outro destino”, afirmou.

Também por telefone, Zelaya se mostrou disposto a sair da Embaixada Brasileira, onde está abrigado desde o dia 21 de setembro, quando retornou ao país escondido. “Certamente até o dia 27 de janeiro de 2010, quando termina meu mandato. No entanto, a minha posição é sair o mais rápido possível, logicamente com o respaldo do governo do Brasil”.

Entenda a crise política em Honduras

A aparente calma nesta quinta-feira na Embaixada Brasileira em Honduras contrasta com uma noite e madrugada tensas. Depois de acertos para que o presidente deposto deixasse o país rumo ao México, tudo mudou. O governo interino de Honduras não deu o salvo-conduto para Zelaya partir.

O governo interino exigiu que, antes de viajar, Zelaya assinasse a renúncia. Mas ele se recusou, e permaneceu em Honduras.

O Ministro Celso Amorim, das Relações Exteriores, disse que Brasil e Argentina ajudaram na negociação e ficou surpreso com o desfecho. “Mas isso apenas comprova que um governo que não tem legitimidade age sempre de uma maneira ilegítima”, afirmou.

http://g1.globo.com/Noticias/Mundo/0,,MUL1411380-5602,00-DIPLOMACIA+BRASILEIRA+DA+PRAZO+PARA+ZELAYA+DEIXAR+EMBAIXADA+EM+HONDURAS.html

Colômbia proíbe porte e consumo de dose mínima de drogas

da Reuters, em Bogotá

Depois de cinco tentativas fracassadas, e andando na contramão da tendência internacional, a Colômbia aprovou uma lei proibindo a posse e o consumo de doses mínimas de substâncias entorpecentes ou psicotrópicas, informou o governo nesta quinta-feira.

A emenda constitucional, que nos últimos anos se tornou uma obsessão pessoal do presidente Alvaro Uribe, determina que só será permitida a posse e o consumo de doses mínimas de drogas sob prescrição médica. O governo justificou a lei com o argumento de que não é coerente exigir uma luta contra o narcotráfico e facilitar o consumo de drogas.

“Demos um passo histórico na luta contra o narcotráfico, a produção e, especialmente, o consumo de drogas”, disse o ministro do Interior e da Justiça, Fabio Valencia, depois da aprovação da lei, à meia-noite da quarta-feira.

Apesar da aprovação da lei, o governo esclareceu que seu objetivo não é punir criminalmente os consumidores de drogas, mas os distribuidores. O senador do Partido Liberal Juan Manuel Galán disse que, com a medida, a Colômbia avança na contramão da tendência mundial, “que privilegia a prevenção sobre o proibicionismo”.

Países como México e Argentina permitem a posse de doses mínimas de drogas como a maconha para consumo pessoal. Outros países limitam a maconha a finalidades médicas.

Aprovada pelo Congresso em oito debates, a nova lei modifica uma decisão da Corte Constitucional que, desde 1994, descriminalizou o consumo e a posse de substâncias psicoativas. A reforma vê o dependente de drogas como doente, e o Estado se responsabiliza por sua reabilitação e o apoio a sua família.

Até agora as leis colombianas permitiam a posse de até 20 gramas de maconha e uma grama de cocaína para consumo pessoal.

Para o governo colombiano, o consumo de drogas vem aumentando e se converteu em um problema prioritário de saúde pública no país.

O ex-candidato presidencial do agrupamento de esquerda Polo Democrático Alternativo Carlos Gaviria qualificou a decisão do Congresso de retrocesso. “Retrocedemos de maneira significativa. É um projeto anti-técnico porque no direito penal não há proibições, há condutas passíveis de punição”, disse Gaviria, que foi magistrado da Corte Constitucional quando ela descriminalizou a posse e o consumo de doses mínimas de drogas.

A Colômbia estima que cerca de 500 mil pessoas no país sofram problemas de dependência de drogas.

http://www1.folha.uol.com.br/folha/mundo/ult94u664750.shtml