CULTURA – SP | Grade de Programacao de terca 24/1/2012

Publicado: 24 de janeiro de 2012 em Televisão, Tv Cultura
Tv Cultura – SP – Grade de Programação de terça-feira, 24 de janeiro de 2012
Programação Tv Cultura
A programação é de responsabilidade da emissora, estando sujeita a eventuais alterações

terça-feira, 24 de janeiro de 2012

06:00 – Tecendo o Saber
06:30 – Novo Telecurso Ensino Fundamental
06:45 – Novo Telecurso Ensino Médio
07:00 – Telecurso TEC
07:15 – Telecurso Profissionalizante
07:30 – Tamanho Família
08:15 – Pocoyo
08:30 – Castelo Rá Tim Bum
09:00 – Quintal da Cultura
11:00 – Bob, o construtor
11:30 – Arthur
11:45 – Cocoricó
12:00 – Os Camundongos Aventureiros
12:30 – Jakers! As aventuras de Piggley Wink
13:00 – Os Sete Monstrinhos
13:20 – Shaun, o Carneiro
13:30 – Cyberchase
14:00 – Doug
14:30 – Quintal da Cultura
17:25 – Matinê Cultura
As Aventuras de Gui e Estopa / Gui e Estopa no Fundo do Mar
As Aventuras de Gui e Estopa / Gui e Estopa no Fundo do Mar
As Aventuras de Gui e Estopa
Dois produtores inexperientes, Stress e Relax, que resolvem fazer uma série de desenhos animados chamada “As Aventuras de Gui & Estopa”. Por meio das tentativas e trapalhadas dos dois personagens, o público conhece de uma maneira divertida todo o processo de criação de uma animação, desde o desenvolvimento do roteiro até o lançamento do desenho nos cinemas.

Ficha Técnica
Gênero: Infantil
Título Original: As Aventuras de Gui e Estopa
Ano: 2008
País de Origem: Brasil
Duração: 65 minutos
Direção: Mariana Caltabiano
Colorido
Classificação indicativa: Livre

Gui e Estopa no Fundo do Mar
Gui e Estopa compreendem os motivos da natureza se revoltar contra o homem: é tudo questão de espaço invadido. Nessa trajetória, eles aprendem que tubarões só atacam porque o homem pescou demais. Eles conhecem, também, as artimanhas dos animais para enganar os inimigos e mergulham no fundo do mar para conhecer espécies lindas.

Ficha Técnica
Gênero: Infantil
Título Original: Gui e Estopa no Fundo do Mar
Ano: 2008
País de Origem: Brasil
Duração: 25 minutos
Direção: Mariana Caltabiano
Colorido
Classificação indicativa: Livre

18:45 – O Mundo de Beakman
19:15 – Pé na Rua
19:25 – Deu Paula na TV
19:30 – Inglês com Música
19:45 – Woohoo News
19:55 – Deu Paula na TV
20:00 – Pé na Rua

20:10 – Metrópolis – Pitty
Pitty
Cantora baiana é a convidada de Cadão Volpato no Metrópolis desta terça-feira.

20:40 – Vitrine – Comandante Hamilton
Comandante Hamilton
No programa de hoje você verá matérias sobre traição na web, tablet na polícia, os bastidores do filme “Entre Vales e Montanhas”, televisão 3D e uma entrevista com o Comandante Hamilton.

21:10 – Jornal da Cultura

22:00 – Cartão Verde – Éder Aleixo
Éder Aleixo
O jogador Éder diz: “Eu só treinei uma vez na minha vida, foi nessa Seleção Brasileira. Nunca tinha treinado antes na vida, mas treinei esses três meses com o Gilberto Tim e depois nunca mais”.

23:00 – Provocações – Sérgio Vaz
Sérgio Vaz
Um dos responsáveis por inserir a poesia na rotina das pessoas da periferia de São Paulo volta ao Provocações seis anos depois para mostrar que a literatura é para todos.

Sérgio Vaz, o criador da Cooperifa diz: “a poesia tomou conta da periferia de São Paulo. Quer as pessoas gostem ou não a literatura é constante na vida das pessoas. Depois de adorarem o deus chamado ‘trabalho’, as pessoas ainda querem fazer poesia”.

Sérgio explica para quem não conhece: “A Cooperifa é um movimento cultural que transformou um bar na periferia de São Paulo em Centro Cultural, e há dez anos realiza um sarau de poesia com as pessoas da comunidade e de outras quebradas.” Ainda em suas palavras: “lá nesses saraus a poesia desce do pedestal e beija os pés da comunidade. Eu acho que é o inverso, foi a literatura que pediu licença pra entrar, não foi o povo que pediu licença pra segurar um livro, pra poder recitar uma poesia.”

Além dos saraus, Sérgio idealizou também o Cinema na Laje, inspirado pelo filme Cinema Paradiso, do italiano Giuseppe Tornatore, realizando em 2011 uma Mostra com filmes feitos pelos próprios moradores da periferia.

Além de idealizador desses movimentos, Sérgio também é poeta, e fala sobre sua literatura: “O que eu faço mesmo é literatura periférica, eu não me incomodo com esse rótulo. […] acho que cabe pra mim que sou uma escritor limitado, uma pessoa medíocre. Esse título cabe muito bem pra gente.”

Sérgio ainda comenta sobre sua iniciativa: “a gente começou a revolução porque evoluiu” e “a gente cresceu na inocência de melhorar o bairro, não de mudar o país. Reclamar como sempre e agir como nunca. A gente ficava sempre reclamando e nunca fazia as coisas. A gente começou a fazer, e continua reclamando.”

O programa ainda conta com um trecho da entrevista ainda inédita da jornalista Eliane Brum.

Abujamra lê texto de Ricardo Cangemi da Cruz.

23:30 – Cultura Documentários – Theatro Municipal 100 Anos
Theatro Municipal 100 Anos
Semana Especial São Paulo

O documentário Theatro Municipal – 100 Anos de Arte, foi produzido pela TV Cultura e Secretaria Municipal de Cultura para comemorar o centenário e a reabertura do Theatro – após três anos fechado para restauração.

O filme, dirigido por Helio Goldsztejn, tem como foco mostrar a história de arte do Theatro Municipal. Para isso, traça momentos de grande importância que o cercaram. A começar pela data de inauguração, dia 12 de setembro de 1911, quando, pela primeira vez, a cidade viu seu primeiro congestionamento.

Depoimentos emocionantes de grandes nomes revigoram a lembrança desse espaço como cenário artístico. A atriz Eva Wilma define o teatro como sendo verdadeiros templos. “Lugares onde a gente consegue mergulhar fundo dentro de si mesmo e se inspirar”, diz. O dramaturgo Antunes Filho fala da importância do Municipal na sua vida. “Eu não teria sido quem eu sou se não fosse o Theatro Municipal”, declara. E a cantora Celine Imbert afirma: “É o teatro mais lindo que tem no Brasil”.

Destacadas apresentações, como Maria Callas, Mikhail Baryshnikov, Ruth Scobar, Villa-Lobos, entre outros, estão em memoráveis imagens de arquivo. Outro ponto de destaque do programa é a adoção da dramaturgia para reviver a Semana de Arte Moderna, em 1922, que teve o Theatro como cenário. Representando o escritor Mário de Andrade para recontar algumas passagens do movimento está o ator Pascoal da Conceição.

Símbolo contestatório, a escadaria externa foi palco de muitas manifestações. De lá, Cacilda Becker e Fernanda Montenegro reivindicaram a democracia durante o regime militar, fato que o documentário também resgata com imagens de arquivo.

Título Original: Theatro Municipal 100 Anos
Direção: Helio Goldsztejn / Ricardo Sêco
Ano: 2011
Origem: Brasil
Duração: 55 min.
Colorido
Classificação indicativa: livre

00:30 – Ensaio – Edith Veiga
Edith Veiga
Neste programa, Fernando Faro recebe a cantora Edith Veiga, que relembra sua carreira e os seus grandes sucessos. Edith fala da admiração por Dalva de Oliveira e canta músicas da diva do rádio. Lembra ainda de grandes ídolos, como a cantora Ângela Maria, e de amigos, como Lupicínio Rodrigues. Fala dos programas de TV da década de 70, citando Chacrinha, Almoço com as Estrelas e Clube dos Artistas. No repertório, canções como Faz-me rir (Teixeira Filho/ F. Ioni/ V. Arias), Pensando em Ti (Herivelto Martins / David Nasser) e Vingança (Lupicínio Rodrigues).

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s