Crise financeira faz Recra diminuir serviços e demitir funcionários

Publicado: 19 de dezembro de 2011 em Ribeirão Preto

Ribeirão Preto – SP
Crise financeira faz Recra diminuir serviços e demitir funcionários
Fonte: Ribeirão Preto Online

Uma crise financeira enfrentada há mais de três anos pela Recra (Sociedade Recreativa e de Esportes de Ribeirão Preto) tem afetado o número de serviços prestados por ela e seu quadro de funcionários.

Com uma dívida avaliada em aproximadamente R$ 12 milhões, o clube, possivelmente, vai demitir cerca de cem empregados. De acordo com matéria publicada pelo jornal “Folha de S. Paulo” no sábado (17), o horário de funcionamento de alguns locais do clube também pode sofrer redução.

A maior parte dos problemas financeiros da Recreativa se deve a processos trabalhistas, com fornecedores e empréstimos. Em 2008, o clube acumulava uma dívida de mais de R$ 17 milhões.

O presidente na época, João Augusto da Palma, renunciou ao cargo depois de seis meses do seu segundo mandato. Em agosto desse mesmo ano uma nova diretoria assumiu temporariamente e o clube passou a ser presidido por João Batista Sarti. O presidente do conselho é José Antônio Pessini.

O patrimônio da Recra era estimado em R$ 70 milhões e a principal fonte de renda do clube era a mensalidade paga pelos 8 mil sócios (ao todo 30 mil pessoas, considerando as famílias).

Segundo a matéria da “Folha de S. Paulo”, Pessini confirmou as medidas e afirmou que foram estabelecidas durante reunião nesta semana. Ele não quis comentá-las.

Em março deste ano, o clube divulgou que a nova diretoria quitou dívidas no valor de R$ 5,4 milhões e fez investimentos de mais de R$ 90 mil em equipamentos novos para o restaurante e melhorias no ginásio de tênis. Além disso, eles afirmaram ter negociado o parcelamento da dívida fiscal do clube.

Venda de títulos

A matéria sobre a crise na Recreativa afirma que o conselho também definiu questões sobre a venda promocional de títulos.

“Custando R$ 10 mil até três anos atrás e oferecido apenas a convidados, hoje os títulos serão vendidos a R$ 1.200 (no caso da Recra cidade, na avenida Nove de Julho) e a R$ 1.000 (clube de campo), sem necessidade de indicação de um sócio antigo”, diz a matéria.

Em novembro do ano passado, a Recreativa colocou títulos do clube à venda e divulgou para o público em geral. As vendas, que começaram em dezembro de 2010, eram feitas no próprio clube.

De acordo com o que foi divulgado na época, os títulos custavam R$ 3.000 e podiam ser parcelado em até 20 vezes. Em pagamentos únicos o título saía por R$ 2.500.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s