Exclusivo: Aguinaldo Silva conta fim de "Duas Caras"

Publicado: 7 de abril de 2008 em Duas Caras, Novela
Exclusivo: Aguinaldo Silva conta fim de “Duas Caras”
A novela das 21h da Globo, “Duas Caras”, chega à reta final. A trama estreou em 1º de outubro de 2007, e está prevista para terminar em 30 de maio próximo. O autor da novela, Aguinaldo Silva, 63, contou, em entrevista exclusiva à Folha Online, quais serão os destinos de alguns dos principais personagens do folhetim.

Aguinaldo revelou que faltam apenas 23 capítulos para concluir sua trama e contou que vai escrever os capítulos finais na casa que tem na região histórica de Lisboa, em Portugal, para onde viaja no próximo dia 26. “Escreverei lá os dez últimos capítulos da novela, ora, pois”, brinca.

Ao todo, “Duas Caras” terá 209 capítulos, informa o autor. Com bons índices de audiência –em alguns capítulos do mês de março a trama chegou a marcar 47 pontos de média–, a trama de Aguinaldo Silva é a primeira colocada no ranking da programação televisiva. “A novela fica oito pontos à frente do ‘Jornal Nacional’, o segundo no ranking”, afirma o autor.

Devido ao sucesso, a Globo já pediu o autor para adiar o fim da novela por três vezes. Aguinaldo garante que não pretende esticar a trama ainda mais. “Um certo passarinho que freqüenta os jardins da TV Globo andou pipilando no meu ouvido, nos últimos dias, sobre a possibilidade de espichar ‘mais duas semanas’, porém eu o abati a tiros de fuzil. Nem morto!”, diz o novelista.

Aguinaldo revelou o que vai acontecer a importantes personagens da trama e afirmou que ainda tem dúvidas quanto ao fim que dará ao vilão Ferraço (Dalton Vigh). Mas outros personagens já têm destino traçado pelo novelista, que não pretende abandonar tão cedo seu estilo sempre polêmico. Nesse tom, ele diz que espera um pedido de desculpas dos evangélicos, após a conversão da personagem Edivânia (Susana Ribeiro) e alfineta o movimento de candidatura da ministra Dilma Rousseff à Presidência. Confira a entrevista.

Folha Online- O que vai acontecer com a vilã Sílvia (Alinne Moraes)?

Aguinaldo Silva- Tenho várias alternativas para a Sílvia. A morte, o hospício, ela ‘pegar’ filho com João Batista e não poder abortar, pois a gravidez é de risco… Mas, neste momento, o que me atrai mais é a prisão, onde ela se tornaria uma espécie de rainha das detentas, todas escravizadas por ela, e a cumprir suas ordens mais absurdas do tipo: “lave meus pés com a língua!” (risos)

Folha Online- A Maria Paula (Marjorie Estiano) vai terminar com quem: Claudius (Caco Ciocler), Narciso (Marcos Winter) ou Ferraço (Dalton Vigh)?

Aguinaldo Silva- Na pesquisa que o site da novela vem fazendo e na qual já votaram mais de um milhão de pessoas, o Ferraço passou à frente esta última semana, antes mesmo de salvar o filho da morte por afogamento. Depois disso, ele deve ter disparado. Mas eu confesso que não resolvi ainda. Na minha cabeça, eu deveria dizer aos telespectadores que o crime não compensa. Nem mesmo este agora em moda que é “roubar por necessidade ou carência”. Mas parece que o brasileiro acha esse tipo de pensamento uma coisa careta, o negócio pra ele é se dar bem a qualquer preço e então… Não sei o que farei.

Folha Online- Como vai terminar a briga entre Branca (Susana Vieira) e Célia Mara (Renata Sorrah)? Quem vai ficar com o Macieira (José Wilker)?

Aguinaldo Silva- Nessa trama, não tenho dúvida. Branca e Macieira formam o casal ideal de todas as novelas, já que eles são José Wilker e Susana Vieira. Mas já mandei o Wolf [Maya, diretor da novela] arrumar um homem pra Célia Mara. É um novo professor que vai chegar na Universidade Pessoa de Moraes. O ator será o Luís Melo.

Folha Online- A questão de ter demonstrado amor pelo filho vai aliviar o fim do Ferraço? O que vai acontecer com ele?

Aguinaldo Silva- Outra vez, você toca no ponto nevrálgico – a minha dúvida quanto ao final dessa trama. Que as pessoas amaram ver o Ferraço finalmente abrir o coração e deixar claro o seu amor pelo filho eu não tenho duvidas. Mas a gente não pode esquecer que ele cometeu vários crimes, mandou até matar Maria Paula quando ela reapareceu, portanto… e agora?, sou eu quem pergunto.

Folha Online- Barretinho (Dudu Azevedo) e Sabrina (Cris Vianna) vão sofrer alguma intempérie no casamento?

Aguinaldo Silva- Só o calor infernal que eles enfrentarão na Nigéria (risos). Mas se adaptarão, é claro. Voltarão ao Brasil, já com um filhote nos braços, para o final da novela.

O Evilásio (Lázaro Ramos) vai virar o novo Juvenal Antena (Antonio Fagundes) da favela da Portelinha?

Aguinaldo Silva- Esse é o destino de todo político bem intencionado, não é? Cair no populismo,virar demagogo, renegar as próprias idéias, e se aliar ao que existe de pior na política na ânsia de garantir a própria sobrevivência. Estou lembrando alguém com minhas palavras?… Evilásio vai ser eleito vereador – não vou dizer como é que ele vai conseguir isso, já que o Juvenal é favorito – e terá que rebolar muito pra não se tornar um político igual aos outros.

Folha Online- O triângulo Dália-Bernardinho-Heraldo (Leona Cavalli, Thiago Mendonça e Alexandre Slaviero) vai ficar junto?

Aguinaldo Silva- Vai, sim… E vai ganhar um apêndice, pois Carlão, mesmo sendo “espada” -é o que ele diz- vai se apaixonar por Bernardinho a ponto de ter crises de ciúmes, dar o maior vexame e se rasgar todo cada vez que o cozinheiro olhar pra outro… E, então, os quatro terão que ficar juntos. Mas só os três dormirão na cama, pois Carlão ficará no chão… E do lado de Bernardinho.

Folha Online- Qual será o fim da Edivânia (Susana Ribeiro), a personagem que provocou tanta polêmica com os evangélicos?

Aguinaldo Silva- Pois é. A Edivânia é uma falsa crente que, no final da novela, receberá o chamado, terá a revelação e achará o caminho.Para que isso acontecesse, era preciso que sua falsidade e sua hipocrisia fossem ressaltadas, pois ninguém se torna santo sem antes ser posto à prova. Foi o que eu fiz. Os pentecostais se revoltaram antes da hora. Espero que, quando Edivânia se tornar uma cristã verdadeira, eles reconheçam o mérito da minha trama edificante e me peçam desculpas.

Folha Online- O Claudius (Caco Ciocler) vai ficar com quem?

Aguinaldo Silva- Depende. Se Ferraço sair do páreo… Mas aí eu tenho um problema: a incrível química entre Caco Ciocler e Sharon Menezes. Esse casal funcionou demais!

Folha Online- A Alzira (Flávia Alessandra) vai terminar a novela dançando no queijo?

Aguinaldo Silva- Alzira vai virar uma grande estrela da pole dance, com direito a capa do “Playboy” e tudo… Mas vai renunciar a isso, depois que Juvenal, mordido de ciúmes, a arrancar do palco, levar pra casa e anunciar: a partir de hoje tu é só minha! Eu vos pergunto: que mulher resistiria ao Fagundes dizendo isso?

Folha Online- O que vai acontecer com o núcleo Texas Bar?

Aguinaldo Silva- A verdade sobre Jojô [Wilson de Santos] finalmente será descoberta: ele é hetero, casado e com quatro filhos (e o quinto já a caminho). Isso o deixará tão envergonhado que ele venderá a casa noturna e irá embora, porque, como várias outras histórias de “Duas Caras”, essa também subverte os padrões estabelecidos… Um hétero que finge ser homo porque tem vergonha que descubram que ele é hetero? Bota subversão nisso!

Folha Online- A Socorro (Marilice Cosenza) vai conseguir ficar com o Dorgival (Ângelo Antônio)?

Aguinaldo Silva- Dorgival, a essa altura em que eu estou na novela, tal como a Inez da história portuguesa, já está “morta”. Socorro consegue escapar da ira de Juvenal após o atentado frustrado contra ele, e vai terminar com Feliz, o anão vivido pelo ator Humberto Guerra, já que os dois são nordestinos, e eu queria um namoro com sotaque.

Folha Online- Quem é o sufocador?

Aguinaldo Silva- Ah, eu não vou contar. Ainda não decidi entre dois personagens… Vai ter que assistir para saber.

Folha Online- E a Gioconda (Marília Pêra), como ela vai terminar? E o Barretão (Stênio Garcia) deixará o preconceito racial?

Aguinaldo Silva- Gioconda vai fundar um movimento social intitulado “Chega!”, destinado a canalizar a revolta da classe média contra “tudo que está errado neste país”. E vai se tornar uma líder, com grande responsabilidade política. Talvez seja até lançada como candidata à Presidência por um pequeno partido, concorrendo assim com a ministra Dilma! Agora me diz: em qual das duas você votaria, na Dilma ou na Marília Pêra?… Eu, por exemplo, não tenho dúvidas, é Marília na cabeça. Já Barretão, terá que rever seus conceitos racistas quando se descobrir a verdade sobre a sua avó sumida.

Folha Online – O Juvenal vai morrer no fim da novela?

Aguinaldo Silva- Você já viu algum populista morrer? Claro que não. Eles viram purpurina!

Folha Online- Faça um balanço final dessa sua trama e suas muitas repercussões.

Aguinaldo Silva- Parodiando o slogan da escola de samba Salgueiro, eu diria que “Duas Caras” não foi nem melhor nem pior que as outras… Mas foi sem dúvida a mais radical de todas as novelas. Por isso, no começo, ela causou tanta estranheza no telespectador e tanta indignação na mídia. Ela desmontou, um a um, os conceitos tradicionais do folhetim televisivo, e assim deixou clara a possibilidade de se achar outros caminhos para o gênero. Eu podia ter feito mais uma das minhas novelas habituais, e isso seria garantia de sucesso. Mas preferi correr o risco. Foi difícil. Mas agora que a estranheza passou, a indignação diminuiu, e a novela caiu na boca do povo, eu me sinto muito feliz por não ter recuado. E prometo aos ‘zé ruelas’: daqui a dois anos, quando voltar a fazer novelas, vou criar muita polêmica de novo (risos).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s