Quebradeira toma conta da madrugada no Farol da Barra

Publicado: 3 de fevereiro de 2008 em Carnaval

A quebradeira tomou conta do circuito Dodô na madrugada deste domingo. Com a apresentação das bandas Fantasmão, à frente do bloco Traz a Massa, e Psirico, no Universitário, todo mundo quebrou até o chão no Farol.

Com o rosto pintado e as fantasias de fantasma, que já são marca do grupo, o vocalista Eddy Sacanagem comandou a apresentação do Fantasmão. O cantor, que já passou pelo Cocha Bamba e pelo Parangolé, não deixou ninguém parado na avenida.

Mas durante a passagem do bloco, os olhares dos foliões também tiveram outro foco: na parte da frente do carro de apoio do bloco, a ação publicitária de uma malharia levou para a avenida dua mulheres somente com o corpo pintado. Não foram poucos os foliões que deixam de dançar para ficar admirando a “paisagem”.

Antes, o bloco A Barca chegou ao Farol da Barra com vontade de ganhar o título de mais animado da avenida. Puxado pela banda Bafafá, deu um show de coreografias, puxadas pela vocalista Mariela, que faz neste ano seu segundo carnaval.

A animação começou com o tradiconal grito de “esquerda” e “direita” para os foliões. Nenhum folião do blco ficou parado com as ondas da multidão para um lado e para o outro. Depois de um breve descanço, foi a vez da própria multidão fazer suas coreografias, puxadas por um grupo mais animado na frente do trio.

Com energia de sobra, Mariela caprichou na procução para este sábado. Na produção, o vestido com fenda para mostrar as pernas preparadas especialmente para a folia e até um cocar de plumas. Isso sem se descuidar da guitarra, já que a bela também é uma das guitarristas da banda.

À frente do bloco Trimix, o cantor Netinho apostou na mistura de ritmos no começo de sua apresentação no circuito Dodô. Em frente ao Farol, botou a multidão para dançar ao som do sucesso do Bonde do Maluco, “Não vale mais chorar”. A música está na boca do povo e no carnaval não poderia ser diferente: coro para acompanhar o refrão.

Netinho também deu exemplo de civilidade ao parar a banda para denunciar uma briga entre foliões em frente ao Beco da Off Club. “Quem está aqui para brigar tem que ficar de fora da festa”, anunciou de cima do trio.

Este é o segundo carnaval depois que o cantor resolveu voltar ao comando da folia. Em 2007, ele retornou aos trios elétricos após uma parada de três anos investindo em outros ritmos.

Daniela Mercurypassou logo antes pelo Farol. Depois de um pequeno atraso, o trio independente da cantora não deixou ninguém parado no Farol da Barra. Com seu tradicional corpo de bailarinos, a cantora veio a bordo de um trio com dois andares, sendo o de cima um palco para as coreografias e para os convidados. Neste sábado, quem dividiu os microfones com a baiana foi o carioca Seu Jorge, que emprestou seu vozeirão para clássicos do carnaval e da MPB como “É hoje”, de Caetano Veloso e “Isso aqui o que é”, de Gonzaguinha.

Já para os sucessos do carnaval baiano, Daniela assumiu sozinha os microfones. E tirou todo mundo do chão. Com o trio sem cordas, a bela arrastou uma multidão animada até Ondina. Em cima do trio, mais uma homenagem: ao Ilê Ayiê, com uma das dançarinas vestida com as cores do bloco. Este carnaval é especial para Daniela, já que ela comemora os 15 anos de lançamento de seu primeiro disco, “O Canto da Cidade”

A Banda Jammil puxou o bloco Eu Vou, que entrou na disputa dos foliões mais animados da noite. O vocalista Tuca Fernandes já entrou no circuito cantando a música Lança Lança, que causou polêmica no Carnaval de 2005, quando o cantor foi indiciado pela polícia, acusado de fazer difusão da substância entorpecente lança-perfume. A letra foi composta pelo baixista da banda, Manno Góes.

O bloco passou apertado neste início de percurso. Nem os associados escaparam do forte empurra-empurra. Em determinado momento, uma briga do lado de dentro das cordas abriu um clarão no meio da multidão apertada, tudo isso ao ritmo de Quebraê, um dos sucessos da Banda Asa de Águia.

O grupo foi com todo o gás para chegar até Ondina, mesmo depois de ter enfrentado uma viagem para o Rio de Janeiro neste sábado. A banda foi uma das atrações ao vivo de hoje do programa “Caldeirão do Huck”, na Rede Globo.

A imagem “https://i0.wp.com/www.atarde.com.br/fw/img/2007/05/marca.jpg” contém erros e não pode ser exibida.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s